Lê a nossa página e vê o que fazemos!

16 dezembro, 2011

Ferira do Livro

Realizou-se em Dezembro a tradicional Feira do Livro da nossa Biblioteca. Mesmo em tempo de crise, professores e alunos não dispensam uma boa leitura.

01 dezembro, 2011

O Recruta

Parabéns ao Luís Marques (5º J), ao Diogo Abreu (6º D) e à Inês Reis (5º L) pelo 1º, 2º e 3º lugares obtidos no concurso sobre  “ O Recruta” de  Robert Muchamore, promovido pela Porto Editora.



Lendas de Sintra


Lendas de Sintra é uma atividade desenvolvida pelo Centro Lúdico das Lopas que circulou por todas as Escolas do Agrupamento Ferreira de Castro. Consiste numa sessão teatral apresentada aos alunos do 3º e 4º anos de escolaridade. Foram contadas três lendas de Sintra: a Lenda do Palácio da Vila, a Lenda da Peninha e a Lenda dos Seteais. Estas foram contadas com o auxílio de um livro adaptado, isto é, um livro feito com símbolos SPC que permite a compreensão das Lendas a crianças com deficiência neuro-motora. O grupo trouxe consigo vários materiais e roupas da época. Os alunos participaram diretamente nas Lendas, sendo eles algumas das personagens. Foi notória a satisfação e o interesse dos alunos pela atividade,  pelos conhecimentos adquiridos e envolvência no seu desenvolvimento.

25 novembro, 2011

O Recruta

As turmas do 5ºJ, 5º L e 6º D estão a ler "O Recruta". No dia 30, na sala de audiovisuais,  responderão ao um questionário promovido pela Porto Editora.

Para quem não gosta de ler...


... Este livro vicia!

Sinopse:
Os agentes da CHERUB têm todos menos de dezassete anos. Vestem calças de ganga e t-shirts, e parecem crianças perfeitamente normais¿ mas não são.
Eles são profissionais treinados, enviados para missões de espionagem contra terroristas e traficantes de drogas temidos internacionalmente.
Mas, para efeitos oficiais, estas crianças NÃO EXISTEM.

James é o mais recente recruta da CHERUB. É brilhante a matemática e a CHERUB precisa dele. Esperam-no cem dias de recruta.
A aventura está a começar...

23 novembro, 2011

Acordo Ortográfico - Guia Prático

http://aeiou.visao.pt/guia-pratico-para-perceber-o-acordo-ortografico=f543723

S. Martinho dos Tempos Modernos

Ainda a propósito do S. Martinho...
A turma do Sexto Ano, turma E recriou a lenda de S. Martinho, desta maneira:

Num dia em que a mãe natureza chorava desalmadamente… Bem, esta é uma história moderna… Então, não chorava desalmadamente, mas chorava “bué”.
Retomando: chovia bué e apareceu um militar, com uma capa preta. Na cabeça, trazia uma boina bem moderna. De que cor? Cor de boina…. Calçado, tinha umas botifarras, número 45, com biqueira de aço.
Era realmente um belo militar. O seu nome era Martinho.
Tinha um cavalo, mas esse era de pau e servia para ele brincar no seu quarto, nos seus tempos livres. Na rua andava de carro elétrico descapotável e óculos de sol…. O problema era a chuva. Coitado do Martinho! Precisava mesmo de um milagre…
Depois de andar alguns quilómetros, parou num semáforo e enquanto esperava a maravilhosa cor verde, reparou num senhor muito bem vestidinho e muito preocupado, pois estava a molhar o seu impecável fato de marca.
Logo de seguida, Martinho pensou:
- Esta é a minha oportunidade de fazer uma boa ação.
Abriu o vidro do seu carro e perguntou àquele distinto senhor se o poderia ajudar.
- Oh, que maravilha. Assim já não estrago o meu fato Armani.
Assim que ele entrou no carro, a chuva parou e no céu surgiu um belo arco-íris rodeado de um sol brilhante.
Para comemorar esse milagre, o senhor levou Martinho à sua luxuosa casa, para fazerem um grande magusto com castanhas quentes e boas.
E é por isso, que nestes tempos modernos se comem as castanhas.
Oh que rico São Martinho!    

Texto coletivo elaborado pelo 6º E

22 novembro, 2011

Rosa Lobato de Faria

Rosa Lobato de Faria nasceu em Lisboa em Abril de 1932. Poeta e romancista, o essencial da sua poesia está reunido no volume Poemas Escolhidos e Dispersos, de 1997. Escreveu vários romances, de entre eles O Prenúncio das Águas (1999), A Flor do Sal (2005), A Alma Trocada (2007) e A Estrela de Gonçalo Enes (2007). Publicou também diversos livros infantis. Foi traduzida em Espanha, França e Alemanha e está em várias colectâneas de contos, em Portugal e no exterior.
Ficou conhecida do grande público como atriz de televisão e de cinema.
Em 2000, obteve o Prémio Máxima de Literatura. As Esquinas do Tempo é o seu primeiro romance publicado no Brasil.

Clube de Leitura

Mais uma sessão do Clube de Leitura, para analisar "As Esquinas do Tempo" de Rosa Lobato de Faria. A sessão realiza-se na Biblioteca da nossa escola, na próxima sexta-feira, dia 25 de Novembro, pelas 21h.

Sinopse:
"Quando Margarida chegou à Casa da Azenha teve aquela sensação, não desconhecida, mas sempre inquietante, de já ter estado ali".


Margarida, uma jovem professora de matemática de Lisboa, vai para Vila Real proferir uma palestra e fica hospedada numa pousada. Em seu quarto, está pendurada uma pintura de um homem muito parecido com Miguel, sua atual paixão. Na manhã seguinte, por um inexplicável mistério, ela acorda cem anos atrás, na casa de seus antepassados. Sem perder a consciência de quem é, ela odeia esta volta no tempo, mas aos poucos vai-se adaptando. Conhece o homem do quadro e apaixona-se por ele. Após um acidente fatal, Margarida regressa ao presente.

21 novembro, 2011

Dorothy Hodgkins


Nasceu no Cairo, capital do Egito (1910-1994) e distinguiu-se na Química, tendo recebido o Prémio Nobel,  em 1964, pelo seu trabalho na área da cristalografia. Com Marie Curie é uma das quatro mulheres que até aos dias de hoje recebeu o Prémio Nobel da Química. Eis a imagem da pequena exposição que se realizou na nossa Biblioteca

Marie Curie

Em 2011, comemora-se o centenário da atribuição do Prémio Nobel da Química a Marie Curie.  Esta física polonesa, nascida Maria Skodowska, foi a primeira mulher a receber este galardão. Destacou-se como investigadora, numa época em que as universidades eram do domínio masculino. Com a colaboração do seu marido, Pierre Curie, dedicou-se ao estudo da radioatividade.
Aqui vos deixamos uma imagem da pequena homenagem realizada na nossa Biblioteca.

18 novembro, 2011

S. Martinho

Acerca do assunto, escreve o conceituado etnólogo Ernesto Veiga de Oliveira (1910-1990) o seguinte: «O S. Martinho, como o dia de Todos os Santos, é também uma ocasião de magustos, o que parece relacioná-lo originariamente com o culto dos mortos (como as celebrações de Todos os Santos e Fiéis Defuntos). Mas ele é hoje sobretudo a festa do vinho, a data em que se inaugura o vinho novo, se atestam as pipas, celebrada em muitas partes com procissões de bêbados de licenciosidade autorizada, parodiando cortejos religiosos em versão báquica, que entram nas adegas, bebem e brincam livremente e são a glorificação das figuras destacadas da bebedice local constituída em burlescas irmandades. Por vezes uma dos homens, outra das mulheres, em alguns casos a celebração fracciona-se em dois dias: o de S. Martinho para os homens e o de Santa Bebiana para as mulheres (Beira Baixa). As pessoas dão aos festeiros vinho e castanhas. O S. Martinho é também ocasião de matança de porco.» (in As Festas. Passeio pelo calendário, Fundação Calouste Gulbenkian, 1987)

Outono

Eis-nos no Outono. É uma das estações do ano em que as cores da natureza parecem convidar o nosso olhar. Haja tempo para reparar em tanta beleza. Alguns alunos da nossa escola redigiram alguns poemas sobre esta estação do ano.

27 outubro, 2011

21 outubro, 2011

A lua não está à venda

Numa sala de aulas, um grupo de alunos está afzer um teste de História. Conhecem-se todos, vivem todos no mesmo bairoo e frequentam todos o café da D. Estrela. Cada um tem a sua história e os seus problemas, desde Rui, que tem em casa um velho parente moribundo há anos, até Júlia, que se chama assim porque a mãe é fã do Júlio Iglésias e sonha com o dia em que ele entre no café e lhe peça uma bica. Mas é a rivalidade entre os dois cafés do bairro que faz precipitar os acontecimentos.

Alice Vieira

Nasceu em Lisboa. Começou a sua carreira de jornalista em finais dos anos 60, e desde 1979 dedica-se também à escrita de livros.

13 outubro, 2011

A Máquina de Fazer Espanhóis

É já na sexta-feira, dia 21 de Outubro, na Biblioteca da Escola Ferreira de Castro, a partir das 21horas, que o Clube de Leitura  promove uma sessão sobre o livro "A Máquina de Fazer Espanhóis", do escritor português, Valter Hugo Mãe.
Para saberes mais sobre este livro visita este endereço: http://www.pglingua.org/sites-associados/imperdivel/2972-a-maquina-de-fazer-espanhois-resenha-de-raquel-miragaia

Dia Mundial da Música

Para celebrar o Dia Mundial da Música, foi realizado um concerto vocal e instrumental, na Biblioteca. A interpretação esteve a cargo dos alunos do 6º J e do 8º A, que executaram os temas "A Máquina de Escrever" de Andersen e "I Got Rhythm" de George Geshwin.


Alunos do 5º Ano

Está a decorrer a receção aos alunos do 5º ano. As turmas visitam a Biblioteca, on de conhecem o espaço, a organização e as suas regras.

Boas Leituras

Desejamos a todos os leitores um bom ano escolar.
Querem "rir-se a bandeiras despregadas"?

22 julho, 2011

desculpa, mas quero casar contigo

Alex e Niki, mais apaixonados do que nunca, regressam do farol na ilha de Blu, onde passaram dias inesquecíveis. Niki reencontra as amigas, mas as Ondas vão deparar-se com grandes mudanças que irão pôr à prova a sua amizade. Alex retoma a sua antiga vida e aos seus velhos amigos. Flavio, Enrico e Pedro passaram de maridos tranquilos e seguros a ter de enfrentar muitas dificuldades que têm vindo a abalar os seus casamentos. E todas estas pessoas - homens e mulheres de diferentes idades -, cada uma à sua maneira, vão reflectir sobre o amor. O amor existe? A crise dos sete anos será mesmo verdade? Aqueles que dizem que o amor não pode durar mais de três anos têm razão? E a pergunta mais difícil: O amor pode durar para sempre? É então que Alex decide arriscar e pedir Niki em casamento…

Férias e Leituras

Com votos de boas férias e muitas leituras, aqui deixamos esta revista, repleta de boas sugestões de leitura. Clica no endereço: http://www.livroseleituras.com/web/


19 julho, 2011

Leitura a Duas Vozes

Pais e avós acompanharam os filhos e netos, na leitura de diversos contos.
A avó Irene e a neta Carolina leram "Os Ovos Misteriosos", de Luísa Ducla Soares.

"A Poesia Bate à Porta"

E de repente, bateram à porta da sala de aula. Abriu-se a porta e... entrou a Poesia! Foi o que aconteceu na nossa escola, na Semana da Poesia.

"Sons da Música"

Na semana da poesia, os alunos compuseram melodias, para acompanhar a leitura de poemas.


"O Castelo de Chuchurumel"

Os alunos do 2º ano de escolaridade tiveram a oportunidade de ouvir a leitura do conto "O Castelo de Chuchurumel", de Luísa Ducla Soares. Esta actividade decorreu na Biblioteca.

Projecto Bib@intercâmbio










Intercâmbio entre as bibliotecas escolares da EB2,3 Ferreira de Castro e da EB2,3 Rui Grácio.
Os alunos das turmas envolvidas trocaram ideias e trabalhos sobre "A Adolescência e a Alimentação", a partir do livro "Dietas e Borbulhas" de Teresa Maia Gonzalez.

11 julho, 2011

Ferreira de Castro

No dia 24 de Maio festejámos a escola e o nosso patrono Ferreira de Castro, com muita alegria e animação, em todas as escolas do Agrupamento.
Da sua vasta obra, desta vez, destacamos "Emigrantes", que foi lida pelos alunos dos oitavos anos, turmas D e H.Para nos falar sobre ela, tivémos a presença do Dr. Ricardo Alves, Director do Museu Ferreira de Castro.
Foi muito interessante verificar que a procura de melhores condições de vida, continua a ser a principal causa que leva tanta gente a deixar a sua terra.

Richard Feynman

Stephen Hawking


Stephen William Hawking é um físico teórico e cosmólogo britânico e um dos mais consagrados cientistas da atualidade. Doutor em cosmologia, foi professor lucasiano de matemática na Universidade de Cambridge (posto que foi ocupado por Isaac Newton). Depois de atingir a idade limite para o cargo, tornou-se professor lucasiano emérito daquela universidade.

Hawking tem uma distrofia neuromuscular, semelhante à esclerose amiotrófica lateral, cuja condição se agravou ao longo dos anos, e o deixou quase que completamente paralisado.

A doença foi detectada quando tinha 21 anos. Em 1985 teve que submeter-se a uma traqueostomia em decorrência do agravamento da ELA (ALS, sigla em inglês) após ter contraído pneumonia e, desde então, utiliza um sintetizador de voz para se comunicar. Gradualmente, foi perdendo o movimento dos seus braços e pernas, assim como do resto da musculatura voluntária, incluindo a força para manter a cabeça erguida, de modo que sua mobilidade é praticamente nula.

[TED pt_BR] Stephen Hawking: Grandes questões sobre o Universo (parte 1/2)

Edwin Hublle

Edwin Powell Hubble foi um astrofísico norte-americano que nasceu a 20 de Novembro de 1889, em Marshfield, no Missouri, Estados Unidos da América.
Na sequência das suas investigações, descobre em 1923 uma cefeida (estrela cujo brilho varia segundo um período bem determinado, que oscila entre algumas horas e uma semana). Hubble, em 1924, a partir dessa descoberta, demonstrou a existência de nebulosas extra-galácticas formadas por sistemas estelares independentes. Considerou que muitas nebulosas, aparentes, mais não eram do que galáxias exteriores à nossa. Observando as cefeidas conseguiu calcular a distância entre várias dessas galáxias, do género da Via Láctea. Em 1929, confirma a teoria da expansão do universo e anuncia que a velocidade entre duas nebulosas é proporcional à distância entre ambas. A relação entre estas grandezas ficou conhecida como constante de Hubble. Quanto mais afastadas estão da Terra, parecem distanciar-se com maior velocidade, facto no qual baseou a sua teoria do universo em expansão, que mais tarde outros astrónomos desenvolveram, como Eddington, de Sitter, Lemaître e outros.
Morreu em San Marino, Califórnia, em 28 de Setembro de 1953.
Em homenagem aos seus esforços e investigações em prol da astronomia, foi dado o seu nome ao primeiro telescópio espacial, o telescópio Hubble, colocado em órbita em 1990, com o objectivo de estudar o espaço sem as distorções provocadas pela atmosfera.

Ernest Rutherford


Ernest Rutherford nasceu em Helso, Nova Zelândia em 30 de Agosto de 1871.Estudou matemática e física.Foi professor de Físico-química na McGill University no Canadá e em Inglaterra na Manchester University. É considerado o pai da Física nuclear, pelas suas descobertas sobre o modelo atómico.Foi-lhe atribuído o Prémio Nobel da Química devido ás suas investigações sobre a desintegração dos elementos e a química das substâncias radioactivas.

Isaac Newton

Nasceu em Londres em 1643 e viveu até ao ano de 1727. Cientista, físico, químico, mecânico e matemático, trabalhou com Leibniz na elaboração do cálculo infinitesimal. Descobriu várias leis da física sendo a mais importante a Lei da Gravidade.

11 maio, 2011

Dia da Escola

É no dia 24 de Maio que celebramos mais um Dia da Escola, dia em que nasceu Ferreira de Castro.
Para saberes mais sobre a biografia do nosso patrono clica AQUI

06 maio, 2011

Emigrantes - Ferreira de Castro

A DECISÃO


Manuel da Bouça não respondeu. Chegou o mocho para a janela e sentou-se a olhar os campos, cada vez mais soturno, mais enfronhado em severidade.
- Que tens, homem? Anda! Fala! Tu não estás bom...
Como a mulher ficasse de braços arqueados e as mãos na cintura, a olhá-lo interrogativamente, ele voltou-se e disse, mastigando as palavras:
- Está tudo resolvido... Vou... Vou até o Brasil...
- Tu?...
O silêncio dele, pesado, dramático, inquietou-a ainda mais. Ela começou a chorar. Depois:
- Deolinda! Deolinda! Minha filha!
A rapariga surpreendida por aqueles gritos, surgiu na porta da cozinha.
Mal a viu, Amélia correu ao seu encontro e abraçou-a, enchendo-lhe de lágrimas as faces e a mão:
- Ele sempre vai! Ele sempre vai!
- Ah! - e Deolinda principiou também a choramingar.
Manuel da Bouça ouviu-lhe os soluços durante alguns momentos; depois ergueu-se com atitude de mau humor.
- Basta de choradeiras! - exclamou. - Nem que o Mundo fosse acabar... Já se viu uma coisa assim?
Amélia obedeceu-lhe e as suas lágrimas começaram a deslizar em silêncio.
Ele contemplou-a com arrogância e continuou:
- É isto! É isto! As mulheres da Frágua estão acostumadas a trazer os homens debaixo das saias... Como se fosse coisa nunca vista alguém ir pró Brasil! Aqui é que não se governa a vida.

(Página 23, Guimarães Editores)

Niels Bohr

Niels Bohr nasceu em Copenhaga, na Dinamarca, em 7 de Outubro de 1885. Obteve o grau de Doutor na Universidade de Copenhaga em 1911, data a partir da qual foi para Inglaterra, onde trabalhou com J. J. Thomson e depois com Ernest Rutherford.

De regresso à Dinamarca, em 1913, Bohr passou a dedicar-se ao estudo da estrutura do átomo, baseando-se na descoberta do núcleo atómico, realizada por Rutherford. Bohr acreditava que, utilizando a teoria quântica de Planck, seria possível criar um novo modelo atómico, capaz de explicar a forma como os electrões absorvem e emitem energia radiante.

Em 1913, Bohr , estudando o átomo de hidrogénio, conseguiu formular um novo modelo atómico. A teoria de Bohr sobre a constituição do átomo, que foi sucessivamente enriquecida, representou um passo decisivo no conhecimento do átomo. A sua publicação teve uma enorme repercussão no mundo científico e permitiu a Bohr alcançar grande prestígio e reputação. De 1914 a 1916 foi professor de Física Teórica na Universidade de Victoria, em Manchester. Mais tarde, voltou para Copenhaga, onde foi nomeado director do Instituto de Física Teórica em 1920.

Pelas suas investigações sobre a estrutura atómica à luz da Mecânica Quântica, ganhou em 1922 o Prémio Nobel da Física.


Em 1933, juntamente com seu aluno Wheeler, Bohr aprofundou a teoria da fissão, evidenciando o papel fundamental do urânio 235. Estes estudos permitiram prever também a existência de um novo elemento, descoberto pouco depois: o plutónio.

Durante a ocupação nazi da Dinamarca, refugiou-se na Inglaterra e nos Estados Unidos, onde ocupou o cargo de consultor do laboratório de energia atómica de Los Alamos. Neste laboratório, alguns cientistas iniciavam a construção da bomba atómica. Compreendendo a gravidade da situação e o perigo que essa bomba poderia representar para a humanidade, Bohr dirigiu-se a Churchill e Roosevelt, num apelo (em vão) à sua responsabilidade de chefes de Estado, tentando evitar a construção da bomba atómica.

Após a guerra, Bohr participou em vários movimentos pacifistas que propunham o fim da produção de armas nucleares.

Morreu em Copenhaga, em 18 de Novembro de 1962.

14 março, 2011

Semana da Leitura

A Carolina Velez, do 6º C, contou-nos uma história da sua autoria que redigiu, baseando-se nas suas leituras: "O Diário de Anne Frank" e "O Principezinho".

23 fevereiro, 2011

Momento de Leitura

No dia 25 de Fevereiro, às 10.30 horas (turno da manhã) e às 15.30 horas (turno da tarde) dedicar-se-ão cinco minutos à leitura de um livro, ao sabor da imaginação de cada um.
Podes ler AQUI a história do dia.

Short Stories or a Play


Realizaram-se na Biblioteca , de 7 a 11 de Fevereiro, pequenas dramatizações e leituras de short stories, apresentadas por alunos do 2º e 3º ciclo. Esta actividade decorreu no âmbito da articulação curricular entre a Biblioteca Escolar e o Grupo Disciplinar de Inglês.
As short stories : “The Ugly Duckling”, “ Little Red Riding Hood” e “ Maisie and the Dolphin”  foram apresentadas por alunos  do 3º ciclo. As dramatizações  “Peter and the wolf” e “What you eat is what you get” foram apresentadas por alunos do 3º ciclo e “Robin Hood” e “ Enormous Nose” por alunos do 2º ciclo.

Frederic Chopin

 
Comemorou-se na Biblioteca, o bicentenário do nascimento do compositor Frederic  Chopin, um dos grandes compositores da história da música ocidental. Os alunos da turma 7º E, que são alunos de música, realizaram uma investigação sobre a vida e obra do compositor, no âmbito da disciplina de “Área de Projecto”. Paralelamente a este trabalho, algumas alunas prepararam a peça “prelúdio opus 20” que tocaram para algumas turmas convidadas.

Georges Lemaître

Georges-Henri Eduoard Lemaître nasceu em Charleroi, Bélgica, a 17 de Julho de 1894. Estudou Matemática e Ciências Físicas na Universidade de Louvaina. Foi padre, astrónomo e físico.
Interessou-se pelo estudo da Teoria da Relatividade de Albert Einstein. Trabalhou no Observatório de Cambridge sob a direcção de Arthur Stanley Eddington e depois no Massachusetts Institute of Tecnology, onde redige a sua tese sobre os campos gravitacionais da Relatividade Geral. Regressa à Bélgica em 1925, tornando-se professor na Universidade de Louvaina, onde ensina até 1964.
Foi considerado o “pai” da Teoria do Big Bang.

11 fevereiro, 2011

Borboletas
Borboletas


Tudo o que eu escrevi


Tudo o que eu escrevi
adorei escrever
com letras para aqui e para ali
sem saber onde as meter

Quando escrevo poesia
gosto de rimar
com imaginação e fantasia
lindas quadras vou formar

Borracha para apagar
lápis para escrever
cabeça para pensar
e no final, é só ler!

Espero agradar
com este texto feito por mim
gostei de participar
é pena chegar ao fim…


Mariana Carvalho
3º A EB1/JI DE OURESSA
(Poema vencedor do concurso "Faça lá um Poema")
Arco Iris
Arco Iris



Ser pessoa


Ser pessoa é ser
Explorador de tudo
O que está ao
nosso redor.

É querer ser
mundo de pernas para o ar.
É ser capaz de aprender.
É ser capaz de agradar.

Não dar valor ao dinheiro,
mas ser puro e verdadeiro.
É enfrentar o medo.
É não apontar o dedo.

É estender a mão
ao companheiro que cai.
É ir atrás dos sonhos.

É dar valor ao amor.
É ser humano!


Marta Moniz
Nº20, 6ºD
(Poema vencedor do concurso "Faça lá um Poema")
alt
Amor


Significado

Uma dor profunda
Uma alegria tremenda
Uma melodia vagabunda
Um pensamento sem emenda

Algo que se vê no escuro
Algo que sempre se deseja
Um sentimento maduro
com aroma de cereja

Um sabor, doce como mel
Um cheiro a música
É um amor sem anel
Da paixão é este significado.

Daniel Assis
8ºF nº10

(Poema vencedor do Concurso "Faça lá um Poema")

Mar Me Quer


É já no dia 18 de Fevereiro, pelas 21 horas, na Biblioteca do Agrupamento Ferreira de Castro, que o Clube de Leitura realizará a sua sessão mensal sobre o livro "Mar Me Quer" de Mia Couto.
Para veres uma resenha deste livro, clica em Mar Me Quer.