Lê a nossa página e vê o que fazemos!

19 abril, 2016

Exposição de Educação Musical

No âmbito da disciplina de Educação Musical, dando cumprimento à planificação estabelecida, o professor José Carias propôs-se realizar, ao longo do ano, a apresentação dos trabalhos dos alunos resultantes da pesquisa efetuada pelos mesmos relativamente aos instrumentos musicais selecionados para cada mês.

A primeira exposição teve lugar no mês de dezembro, nela constando os trabalhos realizados ao longo dos meses de novembro e de dezembro relativos aos instrumentos musicais guitarra e harpa, respetivamente.



Durante o mês de abril a exposição consta de trabalhos relativos a flautas e pianos.

Nela podemos observar então, trabalhos elaborados pelos alunos do professor José Carias no âmbito da disciplina de Educação Musical, sobre vários tipos de flautas e de pianos.
Flautas – flauta de pã, flautim, flauta transversal, flauta basca e flauta doce.

Pianos – piano vertical, piano de cauda e piano digital.

14 março, 2016

Continentes e Oceanos

O grupo de Geografia tem vindo a desenvolver com a Biblioteca Escolar um trabalho de parceria cujas atividades se dirigem a cada um dos anos de escolaridade, no âmbito dos conteúdos da disciplina. Para a realização dessas atividades, os alunos têm utilizado, como recurso, o planisfério existente na Biblioteca procurando aplicar, de forma lúdica (jogo de conhecimento), os conhecimentos adquiridos acerca dos continentes e dos oceanos, nomeadamente a identificação da sua localização.














Participaram os alunos do sétimo ano de escolaridade que classificaram como boa a duração da atividade e de muito boa a interação estabelecida com a professora, assim como o interesse que, no geral, este trabalho despertou.

Cuide Bem da Sua Voz

A voz é um instrumento fundamental e facilitador da comunicação. No caso da profissão docente, uma vez que é essencial como instrumento de trabalho ao serviço do ensino, requer especial atenção e cuidados indispensáveis à sua preservação. Foi a pensar na sua importância que se propôs a realização de uma pequena ação de formação destinada a professores, a qual foi dinamizada pela professora Raquel Silva.

A primeira sessão teve lugar a 28 de janeiro, a próxima realizar-se-à no próximo dia 14 de abril. 



































Foram dadas noções básicas sobre o funcionamento do aparelho fonador e salientada a importância da postura e da respiração adequadas ao processo da comunicação.



Foram executados exercícios para aquecimento e treino da voz.













08 março, 2016

Concurso Faça lá um Poema

Este concurso foi uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura, em parceria com o Centro Cultural de Belém. Destinou-se a premiar poemas produzidos por alunos de todos os ciclos do ensino básico, das escolas públicas ou privadas, visando sensibilizar e promover a criatividade no campo da poesia, incentivando o aparecimento de novos valores. Os trabalhos foram de participação individual.

O concurso decorreu no mês de janeiro de 2016.

Os poemas selecionados foram os seguintes:

A Música
A Música é uma paixão,
Que nasce no coração,
Com sentimento e emoção.

Para além das alegrias e sensações,
A Música toca-nos os corações.

Bastam uns acordes
Para despertar a atenção
E apenas uma melodia,
Para preencher um coração.

A pureza de um som,
Envolve-nos em paz e harmonia,
Permite-me viajar em sonhos,
E descobrir o que não conhecia.

Entre tantos sentimentos,
Desperta-nos alegria,
Consolo e boa disposição,
Misturada com um toque de magia.

Sem Música o Mundo seria diferente,
Mais triste e mais deprimente!
Mónica Martins, 5ºA, nº23


A humanidade dos Animais
Zé Gato
Era um cão bonacheirão
Muito, muito, independente,
Ainda assim responsável,
Dono de si seguramente!
Sozinho lá vai ele
Para dar as suas voltinhas,
Ia sempre pelo passeio,
Cumprimentando as vizinhas.
Sim!...Porque era educado
E gostava de apanhar ar,
Ficar em casa trancado
Isso é que nem pensar!
Era assim este Zé Gato,
Que por mais voltas que desse,
Nunca, nunca se perdia
Porque a comidinha boa,
Essa era em casa que a comia!
Certo dia,
Ao regressar,
Viu a dona inanimada,
No chão sem respirar…
Uivou, ladrou sem parar,
Até alguém o ouvir,
Até a ajuda chegar!
Foi assim que o Zé Gato
A sua dona salvou…
Agora é Herói, o maior,
Como ele nunca imaginou!
Miguel Janeiro,7ºI, nº 24

Brincar com a Leitura

Esta atividade foi iniciada com a leitura expressiva do livro " A que sabe a Lua" de Michael Grejniec.

Seguidamente, foi lido um texto sobre a primavera, utilizando um kit de ferramentas de forma a colocar em prática diferentes formas de leitura lúdica e expressiva.






07 março, 2016

Projeto Newton

Este projeto articula-se com a Universidade de Aveiro (Fábrica Centro Ciência Viva) e o Centro de Ciência Viva de Sintra e com a Rede de Bibliotecas Escolares; pretende-se desenvolver atividades no espaço escolar em colaboração com recursos/ programas existentes de modo a promover a cultura científica e tecnológica e divulgar ciência junto dos estudantes do ensino básico.


No âmbito deste projeto, já foi concretizado o Módulo I - Creme de mãos – na EB1 nº1 e na EB Ferreira de Castro.









29 fevereiro, 2016

Exposição EMRE - Mundo Bíblico e a sua Situação na Atualidade


 O foco centra-se no contexto bíblico e a abordagem trata tanto o passado, como a situação do presente e a atuação no futuro.
 Os objetivos delineados são: 
- dar a conhecer temas chave do mundo bíblico; 
- compreender a situação do mundo bíblico em algumas comunidades educativas da Grande Lisboa.


A primeira parte, o mundo bíblico de hoje pretende analisar questões de geografia, história e cultura bíblicas; a segunda parte, investiga representações do mundo da Bíblia em Portugal e em Israel e, a terceira parte, apresenta propostas de ação para a interrogação Mundo Bíblico, que fazer com esta memória?
 O Mundo Bíblico tem relevância educacional a vários níveis, tanto na educação básica, como na formação contínua. O problema abordado tem ainda importância social, visto que  os Textos  Bíblicos e os seus Mundos são parte integrante dos alicerces da sociedade.

O itinerário pelo MUNDO BÍBLICO é um desafio que pode ser comparado a um caminho por terrenos variados, cheios de trajetos diferentes. O espaço é largo, o tempo a percorrer é vasto e as culturas a conhecer são diversas, pelo que se trata de uma aventura fascinante, pois ela vai ao encontro da memória. É uma lembrança que ainda existe na atualidade e que busca novas formas de recordação.